Notícias a toda hora

Sessão da Câmara Municipal de Sinop é marcada por intensa ação parlamentar

5 (100%) 3 votes

A 35ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Sinop, realizada nesta segunda (22), trouxe debates importantes para o dia a dia dos moradores do município. Temas como acessibilidade, inclusão e mobilidade urbana entraram na pauta de discussão e mostraram o nível de comprometimento do legislativo com questões que influenciam na qualidade de vida da população.

Para a vereadora Professora Branca (PR), além do diálogo permanente com a comunidade, é imprescindível observar as reclamações e demandas que chegam diariamente aos gabinetes. Como exemplo, ela evidenciou as inúmeras denúncias que recebe sobre o desrespeito ao Estatuto do Idoso (Lei Federal 10741/03), praticado nos ônibus interestaduais.

Conforme a lei, maiores de 65 anos têm direito a gratuidade nos transportes coletivos, desde que apresentem algum documento pessoal que comprove a idade. Mas, segundo Branca, munícipes reclamam que as empresas não estão respeitando essa legislação.

Para sanar o problema, a vereadora apresentou uma indicação, cobrando fiscalização efetiva por parte do Conselho Municipal do Idoso. Ela sugeriu ainda que seja intensificada a abordagem na rodoviária e faça-se cumprir a lei municipal que também trata da isenção e descontos para as pessoas da terceira idade, bem como as sanções em caso de descumprimento.

A indicação foi aprovada por unanimidade pelos presentes e encaminhada à prefeita Rosana Martinelli (PR), com pedido de resposta.

Outra pauta apresentada pela professora Branca encontrou apoio em seu pares. Desta vez, no tocante à necessidade de realização de pintura em todas as faixas de pedestre do município, além da instalação de redutores de velocidade e restauração completa da sinalização de trânsito na Avenida das Figueiras.

De acordo com a vereadora, após a obra de duplicação da via, não houve a preocupação com a sinalização da nova pista e nem a readequação da antiga, o que coloca em perigo motoristas e pedestres. Novamente, a indicação recebeu aprovação unânime.

Outro ponto abordado na sessão, foi o grande risco que é oferecido aos transeuntes que circulam nas imediações do posto de saúde do Jardim Ibirapuera. O tráfego intenso e o alto número de pedestres tornam a travessia da Avenida Joaquim Socreppa um convite para acidentes.

A pauta foi levantada pelo vereador Joacir Testa (PDT), que apresentou a indicação com a sugestão de que sejam instaladas faixas de trânsito elevadas nas duas pistas da via. Segundo ele, essa é uma demanda urgente. “Diante da importância, solicitamos imediata prontidão na implantação da providência. Não podemos permanecer de braços cruzados, enquanto cidadãos da nossa cidade estão em perigo”, reforçou o vereador.

Os presentes aprovaram a indicação de Testa, que foi encaminhada à prefeitura com cópia para a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes Urbanos.

Ao final da sessão, outras duas indicações foram aprovadas. Ambas de autoria do vereador Remídio Kuntz (PR).
Na primeira, o legislador solicitou a instalação de uma academia ao ar livre no Residencial Bom Jardim, alegando a necessidade de incentivar a prática esportiva entre os moradores. Na segunda, Kuntz reivindicou que fosse construído um ginásio poliesportivo no mesmo bairro, para também contemplar os habitantes da comunidade Vitória e Residencial Vila Nova.

Uma vez aprovadas, as duas matérias foram encaminhadas para análise do Executivo Municipal, com cópias para as secretarias de Educação, Esporte e Cultura, e Obras e Serviços Urbanos.

Segunda a agenda da Câmara, a 36ª sessão ordinária acontece na próxima segunda (24), sempre aberta ao público.

Loading...